Revista Alternativa

‘A Cidade da Rua Direita’ traz encanto e reflexão sobre a história de Feira

Espetáculo convida o público a se conectar com sua própria história, relembrando a importância de preservar as raízes culturais da cidade.

Um mergulho no passado, transportando o público para a década de 1930 na movimentada cidade de Feira de Santana, é o que oferece ‘A Cidade da Rua Direita’. O espetáculo, produzido pelo Grupo Cordel, traz uma oportunidade do público reviver a história e a cultura da Princesa do Sertão, enquanto se diverte e reflete sobre temas relevantes da atualidade.
“A Cidade da Rua Direita” faz parte da programação do Feira Tem Teatro e estará em cartaz nos dias 27 e 28 de outubro, às 20h00, no teatro do CUCA. Os ingressos já estão disponíveis pela Sympla e também podem ser adquiridos nos dias da apresentação na bilheteria do teatro.

Sinopse

“A Cidade da Rua Direita” é um espetáculo que transcende o tempo e o espaço, levando o público a uma jornada envolvente por Feira de Santana nos anos 1930. Nessa narrativa, um homem misterioso chega à cidade, desencadeando uma busca por sua herança. À medida que a trama se desenrola, histórias reais e fictícias se entrelaçam, com a participação de personagens históricos e figuras populares da época.

Música, comédia e drama se unem para criar uma experiência teatral única, culminando em um desfecho surpreendente. O espetáculo consegue abordar questões como a falta de memória cultural, a ganância e o abuso de autoridade, tudo isso de uma maneira divertida e cativante.

Resgate da memória cultural

“A Cidade da Rua Direita” tem texto e direção de Geovane Mascarenhas e é uma iniciativa do Grupo Cordel para resgatar a rica memória cultural de Feira de Santana. Apoiados por pesquisas minuciosas e diálogos com historiadores locais, o grupo combinou elementos de ficção com fatos históricos para criar uma experiência que não apenas diverte, mas também inspira o público a refletir sobre questões importantes.

Uma das principais mensagens do espetáculo é a preservação do patrimônio arquitetônico do século XIX. Em uma narrativa repleta de rimas, música e humor, a plateia é convidada a se conectar com sua própria história, lembrando-se da importância de preservar as raízes culturais da cidade.

Link da Sympla: https://www.sympla.com.br/a-cidade-da-rua-direita__2213957

Para obter mais informações e entrevistas, entre em contato com:

Karine Mascarenhas – Assessoria de Imprensa

contatosuapauta@gmail.com

(75)99202.2518

Segue a gente no insta:

@feiratemteatro 

Sobre o Grupo Cordel:

O Grupo Cordel é conhecido por sua dedicação à pesquisa e à criação artística. Com uma paixão pela cultura e história de Feira de Santana, o grupo busca constantemente formas inovadoras de trazer essas narrativas à vida, unindo entretenimento e reflexão.

Noticias Recentes

VACINAÇÃO

Bahia registra avanço na cobertura vacinal do calendário infantil em 2023 Os destaques são para

Ler mais »